Projetos de estudantes do CIn-UFPE, o Monamigs e o Mete a colher, vêm ganhando bastante visibilidade com o método de financiamento coletivo online, e estão em processo final de arrecadação de suas campanhas. Para ajudar, os valores mínimos a serem doados variam de 10 a 15 reais e funcionam com um sistema de recompensas.


O Monamigs conseguiu atingir a primeira meta de 20 mil reais da campanha. A plataforma web tem como principal objetivo fornecer apoio a pessoas que foram expulsas de casa por causa de determinada orientação sexual ou identidade de gênero. A próxima meta que o projeto busca é o valor de 25 mil reais, que arca com os custos do projeto e possibilita ajuda a 750 pessoas. A campanha finalizará em quatro dias e a doação pode ser feita no link.

Os estudantes de Engenharia da Computação do CIn-UFPE Alessandra Pereira, Felipe Figueroa, Wallace Soares e Nathália Paiva fazem parte da equipe.


A rede colaborativa Mete a Colher arrecadou 14.910 reais e tem dez dias restantes para atingir a meta inicial de 45 mil. A proposta da rede é possibilitar apoio a mulheres que sofrem com relacionamentos abusivos e violência doméstica. O projeto já atua em página do Facebook com mais de 32 mil seguidores. Para ampliar a rede, foi desenvolvida a ideia de um aplicativo, que será viabilizado com o dinheiro arrecadado. A campanha para financiamento pode ser acessada aqui.

As alunas do CIn-UFPE Carol Cani e Lhaís Rodrigues fazem parte da equipe do

projeto, idealizado na Startup Weekend Woman Recife, em 2016.

Comentários desativados