Sete alunos do Centro de Informática (CIn) da UFPE orientados pela professora Edna Barros venceram o desafio do IoT Student Contest 2021. A competição de sistemas embarcados é promovida pela HT Mícron, empresa que produz a placa de IoT baseada na tecnologia SIGFOX usada no desafio, IEEE Society for Circuits and Systems e a Sociedade Brasileira de Microeletrônica (SBMicro). O evento foi realizado no dia 27 de agosto de forma virtual.

Utilizando o sistema IoT, os estudantes: Alexandre Henrique, Daniel Santos, Filipe Baptistella, Gabriel Schneider, Sara Nicolly e Vinicius Novaes criaram a ferramenta ‘Nile’ que auxilia os piscicultores na criação de tilápias. O projeto é capaz de medir o PH da água, a turbidez, o oxigênio dissolvido e a temperatura, fatores de grande influência na quantidade e qualidade da produção de tilápias.

“A gente optou por atacar esses indicadores porque eles são essenciais para aumentar a produtividade dos piscicultores. Na criação do projeto, observamos que a troca de água, a neutralização da água e outras providências eram tomadas apenas com base na experiência dos produtores e o que a gente fez foi modernizar isso pra que essa análise pudesse ser feita de forma digital e mais assertiva, sendo enviada para eles através da internet”, explicou Alexandre Henrique.

A competição envolveu várias fases e a equipe NILE foi aprovada na primeira etapa onde recebeu a placa de IoT da empresa HT-Micron semicondutores. Na segunda fase, o grupo mostrou um protótipo funcional e obteve novamente a primeira colocação dentre as 8 equipes selecionadas. Agora na terceira fase, as três primeiras equipes colocadas irão participar do IEEE CASS Competition 2021-2022, do CAS Student Contest da IEEE, onde a melhor colocada receberá um prêmio de $3000 dólares.

Comentários desativados