O artigo "The song of the sirens: Google Book’s Project and copyright in a digital age”, da doutoranda do Centro de Informática (CIn) Clarice Castro e Ruy de Queiroz, está entre os 10 mais baixados no portal Social Science Research Network (SSRN). Depositado apenas há 14 dias, o artigo já teve mais de 40 downloads, tendo sido ranqueado em 6º lugar no último levantamento – ficando à frente de artigos de autoria de pesquisadores das universidades da Berkeley (Califórnia, EUA), Irvine (Califórnia, EUA) e Harvard Law School (Massachusetts, EUA).
A autora apresentou o texto recentemente na conferência "A Decade in Internet Time – Symposium on the Dynamics of the Internet and Society", realizada de 21 a 24 de Setembro na Universidade de Oxford, Inglaterra. Em quinze páginas, Clarice discute o Acordo Alterado do Google com a Associação de Autores Americanos (AAP), assinado após a classe ter entrado com uma ação coletiva contra o site, alegando que a disponibilização de livros que ainda não estão em domínio público fere a lei de direitos autorais americana.

No entanto, o termo assinado fracassou
em março de 2011, mesmo tendo ocorrido alterações no Books que restringem o acesso dos usuários a apenas trechos das obras. O objetivo da autora é explorar o conceito de "uso justo" ou "exceções e limitações aos direitos de autor", que prevê total acesso aos livros em qualquer biblioteca, individual ou arquivo, contanto que eles sejam utilizados para fins didáticos ou científicos.

Comentários desativados