Pós-Graduação em Ciência da Computação – UFPE

Defesa de Dissertação de Mestrado Nº 1.969

Aluno: John Jairo Dominguez de la Rosa
Orientador: Prof. Alex Sandro Gomes
Co-orientadora: Profa. Rosane Maria Alencar da Silva (Departamento de Ciências Sociais/UFPE)
Título: RELAÇÃO ENTRE O GÊNERO TEXTUAL DIGITAL E O PENSAMENTO CRÍTICO
Data: 28/06/2020
Hora/Local: 14h – Virtual – Interessados em assistir entrar em contato com o aluno
Banca Examinadora:
Prof. Ricardo Massa Ferreira de Lima (UFPE / Centro de Informática)
Prof. Rossana Viana Gaia (IFAL / Coordenação de Linguagens e Códigos)
Prof. Alex Sandro Gomes (UFPE / Centro de Informática)


RESUMO:

Uma das competências específicas necessárias para enfrentar desafios 
globais complexos é, sem dúvida, o pensamento crítico, razão pela qual nos 
princípios dos projetos de programas de aprendizagem em rede há uma 
motivação para desenvolver esse tipo de habilidade. No entanto, ela não foi 
desenvolvida totalmente devido, entre outros fatores, ao fato de os modelos 
pedagógicos dos cursos on-line tenderem a ser excessivamente homogêneos, 
descontextualizados, despersonalizados e individualistas. Verifica-se, 
ainda, que muitos desses cursos apresentam, frequentemente, uma sequência 
rígida de conteúdos, com ferramentas de socialização muito limitadas e 
processos de avaliação altamente estruturados. Desse modo, o presente 
estudo tem como objetivo identificar as relações entre as estratégias 
utilizadas durante as discussões assíncronas baseadas em texto, por meio de 
Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) e sua relação com o pensamento 
crítico de estudantes do ensino médio. A partir do método de triangulação, 
foram observados dados com diferentes naturezas para identificar relações 
entre estratégias de comunicação na rede educacional Redu. Assim, o 
propósito da análise foi verificar de que modo as interações assíncronas, 
eventualmente, deram suporte à estruturação de situações para promover o 
desenvolvimento do pensamento crítico, bem como identificar as limitações 
da plataforma para apoiar o progresso dessa habilidade. Os resultados 
evidenciaram que existe uma dissociação entre o desenho dos Ambientes 
Virtuais de Aprendizagem e as metodologias usadas pelos professores para 
estimular o desenvolvimento do pensamento crítico. Verificou-se, também, 
que os ritmos e estilos de aprendizagem são outra variável desconsiderada 
nos ambientes de aprendizagem. Isto ocorre porque tais ambientes favorecem 
somente a um tipo de estudante, com determinadas características. 
Finalmente, os resultados obtidos destacam que um dos métodos de maior 
contribuição para desenvolver competências do raciocínio de alto nível é a 
pergunta.

Palavras-chave: Pensamento crítico. Metodologias híbridas de ensino. Ensino 
híbrido. Gêneros textuais digitais

Comentários desativados