Um trabalho de pesquisa que recebeu a colaboração do professor do Centro de Informática (CIn) da UFPE Divanilson Campelo, e que foi publicado na edição de abril do periódico IEEE Communications Letters, tornou-se um padrão (standard) mundial na União Internacional de Telecomunicações – UIT (ITU, em inglês), em 2014.

O trabalho consiste em um novo modo de gerenciamento de potência para reduzir o consumo de energia no equipamento localizado na residência dos assinantes em redes de acesso em banda larga do tipo PON (Passive Optical Network). A pesquisa é resultado de uma colaboração entre três profissionais de companhias dos Estados Unidos e China, a mestranda Raisa Hirafuji (UnB) e o professor Divanilson Campelo.

A UIT, agência da Organização das Nações Unidas (ONU) especializada em Tecnologias da Informação e Comunicação, possui um setor de padronização (ITU-T) responsável por estudar questões técnicas, operacionais e tarifárias e publicar recomendações para facilitar a integração e interoperabilidade de sistemas de telecomunicações no mundo.

Comentários desativados