A equipe de pesquisadores, da qual o professor do Centro de Informática (CIn) da UFPE Paulo Borba fez parte, ficou com o segundo lugar do Deutscher IT-Sicherheitspreis. O prêmio foi dado pelo trabalho em SPLlift, uma técnica para se realizar eficientemente análises estáticas para detecção de vulnerabilidades em linhas de produtos de software.
 

O Deutscher IT-Sicherheitspreis é dado pela Horst Görtz Foundation para projetos de pesquisa e inovação em segurança em TI, criptografia, segurança de sistemas e redes, e defesa contra ataques cibernéticos. Também constituíram a equipe Márcio Ribeiro e Társis Tôledo, ex-alunos do CIn/UFPE,  Eric Bodden e Mira Mezini (Alemanha) e Claus Brabrand (Dinamarca).  

Comentários desativados