O aluno de doutorado do Centro de Informática (CIn) da UFPE Vítor Andrade é o novo gestor do programa Start-Up Brasil. Graduado em administração também pela UFPE, mestre em gestão empresarial pela Faculdade Boa Viagem, Vítor atua no fomento a startups digitais no Brasil há mais de oito anos.
 
"Muita coisa passa pela cabeça nesse momento. Se passaram quase dois anos desde que iniciei meu trabalho no Start-Up, que é um programa inovador em sua essência e, portanto, cheio de desafios", diz Vítor.
 
O PROGRAMA – O Start-Up Brasil, Programa Nacional de Aceleração de Startups, é uma iniciativa do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, com gestão operacional da Softex em parceria com aceleradoras. O programa visa apoiar empresas nascentes de base tecnológica, as chamadas startups.
 

O Start-Up Brasil funciona por edições, com duração de um ano, e realiza duas chamadas públicas nesse período. Uma para qualificar e habilitar aceleradoras e outra para a seleção de projetos startups, com duas rodadas semestrais. Durante o ano, as startups selecionadas participam de eventos, recebem acompanhamento e têm a possibilidade de participar do Demo Day nacional ou internacional promovido pelo programa. 

Comentários desativados