O Centro de Informática (CIn) da UFPE obteve um excelente resultado no X Simpósio Brasileiro de Qualidade de Software (SBQS 2011), mais precisamente no Concurso de Teses e Dissertações em Qualidade de Software (CTDQS). O CIn foi primeiro lugar tanto no Mestrado, com Ivan Machado, quanto no Doutorado, com o professor Vinicius Garcia, ambos orientados pelo professor Sílvio Meira e co-orientados pelo professor Eduardo Almeida, que é ex-aluno do Centro.

O concurso premia as três melhores dissertações e as três melhores teses defendidas e aprovadas em 2010 na área de Qualidade de Software. Para o mestrado, o prêmio Professor Arnaldo Dias Belchior, como ficou conhecida a melhor dissertação desde 2008, foi para Ivan Machado com o título “RiPLE-TE: A Software Product Lines Testing Process”.
Enquanto “RiSE Reference Model for Software Reuse Adoption in Brazilian Companies” foi a Tese de Doutorado vencedora, do Professor Vinicius Garcia, que teve o reconhecimento da comunidade como uma grande contribuição para a sociedade. “Coroa um trabalho de cinco anos de muito esforço e dedicação. Este reconhecimento é importante, fiquei muito feliz com o resultado e principalmente pelo "domínio" do CIn, e em particular o grupo de pesquisa RiSE, que obteve os dois postos mais altos, ambos orientados pelo prof. Silvio Meira e co-orientação de Eduardo Almeida, a quem eu também dediquei esta premiação”, afirma Vinicius.
Segundo o Professor Sílvio Meira, os trabalhos são parte do esforço da Engenharia de Software realizado no CIn, em conjunto com o C.E.S.A.R e a UFBA, no grupo Reuse in Software Engineering (RISE). “Os prêmios são um tributo nacional ao esforço dos dois [Ivan e Vinicius] pela criatividade e dedicação ao trabalho, individual e em grupo, que resultou nas melhores tese e dissertação do país, no ano, em qualidade de software. Não se trata de só mais dois prêmios nacionais para o Centro de Informática; cada prêmio é muito importante para seus grupos e, em especial, para os doutores e mestres que os conseguem. Vinícius, Ivan, o CIN e todos os grupos que participaram do projeto estão de parabéns, até por demonstrarem que colaboração, em escala e sobre uma agenda de problemas reais, gera resultados científicos de peso e merecedores de prêmio nacional”, declara o orientador duplamente vitorioso.
 

Comentários desativados