Nos dias 27 e 28 de maio, alunos do Centro de Informática (CIn) da UFPE participaram da primeira edição da competição internacional Hackacity no Brasil, que ocorreu na Jump Brasil. Entre os projetos apresentados, concorreram seis projetos envolvendo alunos do CIn: O Mosquitômetro; Sentinel; Guids; Buzz; Reciclovia e o primeiro lugar da edição, “Eva”, que recebeu dois mil reais como prêmio.  

 

 

A equipe vencedora é formada por Douglas Santos da Silva, aluno de Engenharia da computação do CIn-UFPE; Simony Cesar; Wagner Palácio; Edvan Junior e Jorge Delgado. O grupo utilizou a API de acesso aos dados do consórcio Grande Recife para ajudar a desenvolver o aplicativo, uma ferramenta que tem o intuito de empoderar as mulheres usuárias dos coletivos públicos da Região Metropolitana do Recife, denunciando casos de assédio sexual dentro destes a partir de registros em tempo real baseados na geolocalização dos ônibus.

 

 

“Após a apresentação do pitch, ainda antes do resultado do evento, recebemos um convite para apresentarmos a ideia à Secretária da Mulher do Recife, Elizabete Godinho. Com a divulgação do resultado, conversei rapidamente com a secretária, que disse estar interessadíssima na viabilização do EVA”, disse a integrante da equipe Simony Cesar, estudante de Design Gráfico do IFPB.

 

 

Douglas Santos, aluno do CIn, descreveu a sensação de participar do Hackacity: “É muito satisfatório, pois em 24h conseguimos criar um protótipo de um aplicativo que pode realmente ajudar a sociedade. Com o desenvolvimento dele, nós podemos fazer um bem tão grande que não podemos medir as proporções”

 

 

“Imagina só ter acesso a dados como, por exemplo, quais linhas têm maior índice de assédio, a que horas, qual trecho e ainda ter registro fotográficos dos criminosos (essa é uma das funcionalidades do EVA).  Não só para as mulheres, mas também para a polícia, o EVA é uma arma de combate ao assédio, estupro e outras formas de violência contra a mulher. O EVA é a sororidade tecnológica”, completaram os integrantes da equipe.  

 

Sobre o Hackacity – Originalmente criado na cidade de Porto, a ideia deste evento é a de criar uma rede global informal, promovendo o conhecimento através das trocas de experiências e soluções inovadoras para essas cidades. Esta foi a primeira edição do evento no Brasil.

Comentários desativados