A fase final local da Competição Intel de Sistemas Embarcados selecionou cinco equipes para a etapa nacional da competição. AuTecla, HydroSys, River Sense, Eccobin e SpotPark foram escolhidos dentre os projetos participantes do CIn-UFPE, e apresentarão seus trabalhos na final nacional em João Pessoa, que ocorre durante o SBESC (Brazilian Symposium on Computing Systems Engineering), de 1 a 4 de novembro.
 
A fase final local da UFPE contou com a participação de 16 equipes, realizando apresentações e demonstrações dos projetos nos dias 10 e 11 de setembro para a comissão julgadora, formada por membros do CIn, CESAR, JUMP, ArrowPlan e um representante da Intel. As equipes que participaram da final local irão apresentar seus projetos na I Mostra de Sistemas Embarcados do Centro de Informática, que deverá acontecer em dezembro com apoio do CESAR e JUMP.
 
A colocação das equipes escolhidas pode ser conferida a seguir:
 
1º Lugar  AuTecla- Sistema para Crianças com Autismo
Gabriela Alves, Laís Bandeira e Júlia Feitosa.
 
2º Lugar HydroSys – Sistema para Detecção de Perdas de Água
Andréa Brandão Duque, Larissa Lages de Oliveira e Rodolfo Ivo Santos de Andrade.
 
3º Lugar River Sense: Previsão de Enchentes
Douglas Santos da Silva Vasconcelos, Gilberto Andrade Sousa Junior e Lucas Eliseu Amorim.
 
4º Lugar EccoBin – Sistema de Bueiros Inteligentes
Ladson Gomes Silva, Mariana da Silva Barros e Thiago de Moura Silva.
 
5o. lugar.SpotPark – Sistema para Gerenciamento de Estacionamentos
Renato Sousa Bezerra, Roberto Costa Fernandes e Lucas Henrique Cavalcanti Santos.
 
A Competição Intel de Sistemas Embarcados é destinada aos alunos de graduação e pós-graduação, que desenvolvam sistemas computacionais embarcados no Brasil. Os projetos devem aplicar a Internet of Things (IoT), em um dos seguintes segmentos: carros/casas/tabelas/cidades inteligentes, saúde, automação industrial, Wearables, segurança, varejo e robótica, considerando projetos que envolvam simplificação de processos, redução de custos, análise em tempo real ou monitoramento remoto. A fase local ocorre em algumas universidades convidadas (UFPE, UFOP, UFRN), e tem por objetivo fazer uma seleção entre as equipes da instituição para a fase nacional, que tem a participação de 60 times de todo o Brasil. Os grupos da competição recebem uma placa Intel® Galileo gen2, utilizada no desenvolvimento dos projetos.
 

Comentários desativados