Recentemente expandida para todos os cursos da universidade, a plataforma Guia UFPE tem buscado apoio para reunir materiais de outros cursos da universidade em seu banco de dados. O site tem como objetivo disponibilizar um local virtual organizado, onde cada curso do campus tem uma pasta compartilhada onde estão armazenadas provas anteriores, resumos, videoaulas, ementas de disciplinas e outros materiais úteis aos estudantes. Para contribuir com o projeto, os alunos dos cursos de graduação da UFPE podem pedir acesso à pasta de seu curso enviando um email para vcm@guiaufpe.com.br.
 
A iniciativa surgiu a partir da dificuldade dos estudantes na procura por arquivos relevantes das disciplinas, identificada pelos estudantes Victor Crisóstomo Mellia e Renata Caroline, estudantes de Engenharia da Computação (CIn-UFPE) e Julia de Belli, estudante de Design (UFPE). Para tentar solucionar o problema e diminuir o tempo gasto com essa procura, a equipe desenvolveu o Guia UFPE, que disponibiliza de forma organizada esses materiais em pastas compartilhadas com auxílio do Google Drive. O grupo utilizou como inspiração alguns projetos, como o Chegg, rede utilizada por estudantes americanos que, apesar de ter ferramentas diferentes do GuiaUFPE, possui o mesmo propósito de auxiliar os universitários.   
 
A pasta do curso de Engenharia da Computação já contém diversos materiais importantes de todas as disciplinas, como pode ser visto no link http://guiaufpe.com.br/engenharia-da-computacao/. Para acessar a pasta de outros cursos, basta alterar o link após a barra: http://guiaufpe.com.br/escreva-aqui-o-nome-do-seu-curso. Todos os cursos da UFPE já possuem um local reservado para postagem dos materiais, contudo, é necessária a contribuição dos estudantes de modo a compartilhar os arquivos nessas pastas. Quanto ao apoio dos discentes, as expectativas do grupo são positivas: “Esperamos e estamos confiantes que os alunos do CIn, como também os alunos dos outros centros, gostem do projeto e colaborem. Se o projeto tomar grandes proporções, pensamos sim em expandi-lo para outras universidades como por exemplo a Universidade Federal da Paraíba, criando assim o GuiaUFPB, mas isso são cenas dos próximos capítulos.”, comentou Victor Crisóstomo, um dos desenvolvedores do projeto.
 
Mais informações: 
 

Comentários desativados