Pós-Graduação em Ciência da Computação – UFPE
Defesa de Tese de Doutorado Nº 519


Aluno: Nelson Galvão de Sá Leitão Júnior
Orientador: Prof. Hermano Perrelli de Moura
Co-orientador: Prof. Ivaldir Honório de Farias Junior (UPE)
Título: A Theory of Communication in Distributed Software Development Teams
Data: 13/07/2021
Hora/Local: 14h – Virtual – Interessados em assistir entrar em contato com o aluno
Banca Examinadora:
Prof. Alexandre Marcos Lins de Vasconcelos (UFPE / Centro de Informática)
Prof. Carla Taciana Lima Lourenco Silva Schuenemann (UFPE / Centro de 
Informática)
Prof. Sabrina dos Santos Marczak (PUC/RS / Escola Politécnica)
Prof. Wylliams Barbosa Santos (UPE / Campus Caruaru)
Prof. Adriano Bessa Albuquerque  (UNIFOR / Programa de Pós-Graduação em Informática Aplicada)


RESUMO:

A comunicação efetiva é um desafio significativo e persistente nas equipes 
de Desenvolvimento Distribuído de Software. Pensando nisso, pesquisadores 
têm dedicado tempo e esforço na construção de ferramentas e metodologias 
que auxiliem na maior eficácia da comunicação nessas equipes. Ainda assim, 
esse esforço não tem sido amparado por nenhuma teoria científica criada 
para descrever o Fenômeno da Comunicação nesse contexto, apesar da 
importância da comunicação nessas equipes. Teorias são importantes para os 
pesquisadores, pois oferecem uma estrutura conceitual comum para apoiar 
fatos e conhecimento, e pesquisadores da Ciência da Computação têm usado 
teorias para apoiar suas intervenções, achados, hipóteses e procedimentos 
metodológicos. Este estudo tem como objetivo descrever o fenômeno da 
comunicação em equipes de Desenvolvimento Distribuído de Software por meio 
da construção de uma teoria de comunicação. Ao atingir esse objetivo, este 
estudo também visa estabelecer uma base teórica para estudos futuros na 
academia e uma referência para a indústria e, assim, ajudar a mitigar o 
caráter desafiador persistente da comunicação nas equipes de 
Desenvolvimento Distribuído de Software. Este estudo está estruturado em um 
delineamento metodológico de três etapas, a saber: Etapa 1 – a Consolidação 
da Lacuna do Estudo, a partir de uma revisão exploratória e não extensa da 
literatura; Etapa 2 – a Construção da Teoria, via Teoria Fundamentada por 
completo, incluindo um extenso processo analítico; Etapa 3 – a Consolidação 
da Teoria, com base em um Mapeamento Sistemático da Literatura, uma 
atividade de posicionamento e um processo de avaliação. Os achados incluem 
a teoria emergente que descreve o fenômeno da comunicação em equipes 
distribuídas, denominada Teoria das Dimensões da Comunicação Distribuída. 
Os achados também incluem os resultados do Mapeamento Sistemático e 
considerações sobre o processo de posicionamento da teoria emergida na 
literatura contemporânea. Além disso, os achados incluem os resultados da 
avaliação da teoria, com base nos resultados de uma sessão de Grupo Focal e 
considerações sobre três conjuntos de critérios de credibilidade. Nossa 
principal conclusão é que o Fenômeno da Comunicação em Equipes de 
Desenvolvimento Distribuído de Software é descrito por ações e construtos 
multidisciplinares, representados por sete dimensões de comunicação e 34 
componentes teóricos. Incluindo cultura, idioma, fusos horários, práticas, 
reuniões, mídia, assim como construtos comportamentais e sociais.

Palavras-chave: Desenvolvimento Distribuído de Software. Comunicação. 
Teoria Fundamentada. Engenharia de Software. Gerenciamento de Projetos.

Comentários desativados