Há dez anos o Centro de Informática (CIn) da UFPE forma parcerias com grandes empresas na área de tecnologia. E a mais recente companhia a realizar projetos com investimentos da Lei de Informática é a Jabil. Essa empresa é especializada na concepção, produção e gestão de produtos eletrônicos e empresas de tecnologia. Ela é responsável pela manufatura de vários equipamentos, tais como impressoras, de grandes empresas multinacionais.
 
O projeto que será desenvolvido em parceria com CIn é o SPC – Statistical Process Control, que investiga a criação de aplicações para dar suporte ao monitoramento das linhas de produção da Jabil. “Com tal suporte automatizado, o processo de monitoramento será mais ágil, seguro e com menos erros, aumentando a eficiência da fábrica”, explica Sérgio Soares, professor do CIn responsável pelo projeto.
 
Além disso, um conjunto de informações sobre as linhas de produção serão gerenciados, como equipamentos, produtos, máquinas, funcionários, entre outros. Durante o processo serão gerados um conjunto de relatórios gerenciais e o acesso ao sistema poderá ser feito também através de dispositivos móveis, aumentando a agilidade no ambiente da fábrica.
 
A execução deste projeto trará vários resultados positivos para todos os envolvidos direta e indiretamente: transferência de tecnologia da universidade para a empresa parceira, capacitação de recursos humanos para o uso da aplicação resultante, geração de tecnologia de suporte ao monitoramento de linhas de produção e sobretudo atração de recursos da empresa parceira para serem aplicados na região Nordeste, mais especificamente em Pernambuco.
 
Centro de Informática (CIn) da UFPE – A instituição possui mais de 35 anos de experiência na área de Computação e é avaliado pelo MEC como uma das top 5 instituições brasileiras na área. Recentemente o CIn-UFPE ganhou o Prêmio FINEP de Inovação 2011 na categoria Instituição Científica e Tecnológica (ICT).
 
Com o advento da Lei de Informática, com a qual empresas podem investir 5% do IPI para PD&I (Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação), o CIn-UFPE é desde 2006 a Instituição de Ensino Superior que mais capta investimentos provenientes desta Lei.

Comentários desativados