O gasto de tempo de professores com a correção de provas levou o docente do CIn-UFPE Hansenclever Bassani a ter a ideia para desenvolver o Gradepen. Com o aplicativo, basta apontar a câmera para o gabarito da prova e o número de acertos é contabilizado no sistema. A plataforma será disponibilizada de forma gratuita para docentes do CIn.

A ideia surgiu quando Hansenclever fazia doutorado no CIn-UFPE e era professor do IFPE. “Nesta época, eu criei uma primeira versão para avaliar o interesse do mercado, chamada de ‘Questões na Web’, que ainda está ativa, e ficará até o final do ano”, contou o professor.

O interesse na ideia foi grande, e junto com André Tiba, professor substituto do CIn-UFPE, e Cícero Garrozi, professor da UFRPE – ambos doutores pelo CIn – Hansenclever decidiu criar a MachLeV, uma startup que lançou o Gradepen.

O grupo agora está buscando realizar parcerias com instituições. “Neste sentido, o primeiro passo é disponibilizar gratuitamente a ferramenta para os professores do CIn utilizarem, divulgarem e darem feedback”, explicou Hansenclever. Será realizada a distribuição de cupons para os docentes do centro, que receberão mais detalhes de como usar o sistema gratuitamente por e-mail. Há expectativas de disponibilizar futuramente o uso gratuito do Gradepen para todos os docentes da UFPE.

Gradepen

O funcionamento do aplicativo é simples e eficaz. Primeiro, os professores devem elaborar a provas no website da plataforma, onde podem ser criados cabeçalhos personalizados. É possível embaralhar as questões automaticamente, para que os alunos recebam provas com diferentes ordens de perguntas.

As provas são impressas com um código QR e um gabarito. Quando o professor aponta a câmera para o código, o aplicativo identifica a prova e compara o gabarito do estudante com o gabarito correto das questões, identificando o número de acertos do aluno. Após o término da correção, o resultado pode ser enviado por e-mail, de forma que o professor tem acesso às notas dos alunos organizadas em uma tabela.

Outro ponto interessante do aplicativo é a rede colaborativa de questões: professores podem tornar públicas suas perguntas criadas para que também sejam utilizadas por outros docentes.

O produto foi lançado em fevereiro deste ano e está disponível para baixar de forma gratuita na Apple Storee na Play Store. Os professores podem corrigir provas de até 5 questões e 5 itens gratuitamente, para provas maiores, o aplicativo disponibiliza para compra pacotes com baixo custo.

Mais informações: https://www.gradepen.com/sobre.php
A ideia: https://www.youtube.com/watch?v=H0KHfgsExUE
Aplicativo em funcionamento: https://www.youtube.com/watch?v=Tj4F4coahHY
 

Comentários desativados