Pós-Graduação em Ciência da Computação – UFPE
Defesa de Tese de Doutorado Nº  528

Aluno: Tatyane Souza Calixto da Silva
Orientadora: Profa. Patricia Cabral de Azevedo Restelli Tedesco
Co-orientadora:  Profa. Jeane Cecília Bezerra de Melo (UFRPE/DEINFO)
Título: Skills-CT: Um Modelo para Classificação dos Estágios Cognitivos das 
Habilidades do Pensamento Computacional e Desenvolvimento da Aprendizagem 
Criativa
Data: 10/09/2021
Hora/Local: 9h – Virtual – Interessados em assistir entrar em contato com a aluna
Banca Examinadora:
Prof. Geber Lisboa Ramalho (UFPE / Centro de Informática)

Profa. Carla Taciana Lima Lourenco Silva Schuenemann (UFPE / Centro de Informática)
Profa.  Claudia Lage Rebello da Mota (UFRJ / Instituto Tércio Pacitti de Aplicações e Pesquisas Computacionais)
Profa. Maria Auxiliadora Soares Padilha (UFPE / Departamento de Educação)
Profa. Danielle Rousy Dias Ricarte (UFPB / Centro de Informática)

RESUMO:

O Pensamento Computacional (PC) envolve resolução de problemas utilizando modelos, abstrações, organização e decomposição dos mesmos de forma algorítmica. A resolução de problemas se enquadra na estrutura do Pensamento Computacional cognitivo, pois visa fornecer aos discentes uma compreensão dos principais conceitos computacionais, práticas e perspectivas, enfatizando assim a construção de habilidades e competências que serão úteis na faculdade e em futuras carreiras. Estes elementos, por sua vez, impõem aos sujeitos uma habilidade pouco explorada em processos tradicionais de ensino-aprendizagem: a Criatividade. A Criatividade se torna relevante por promover a integração do fazer e do ser, fazendo com que o indivíduo use suas competências com o intuito de transformar para melhor o mundo que os cerca. Diante deste panorama, o presente trabalho traz um estudo cujo objetivo é compreender a relação dos Pilares do Pensamento Computacional, dos Níveis Cognitivos e das habilidades do Pensamento Computacional no processo de resolução criativa de problemas. Essa correlação tem o intuito de auxiliar o ensino e aprendizagem de programação, bem como fornecer aos docentes uma maneira de avaliar e compreender como os estudantes desenvolvem as habilidades do PC. O processo de ensino de programação deve envolver a resolução de problemas, com base em conceitos como associação, avaliação, atribuição, chamada de procedimento e passagem de parâmetros. Para tanto, foi elaborado o Skills-CT. O Skills-CT é um Modelo Conceitual que relaciona os Pilares do Pensamento Computacional, classifica os estágios cognitivos para cada Habilidade do PC, para resolução criativa de problemas em programação. O Skills-CT foi aplicado em uma turma de um curso profissionalizante em Desenvolvimento de Software com o objetivo de classificar os estágios cognitivos dos alunos em cada habilidade do PC e analisar em qual os estudantes possuem menor desenvolvimento, para criar atividades que possam ajudar a amenizar essas dificuldades. Adicionalmente, o Skills-CT verificou qual é o(s) Pilar (es) do PC no qual os alunos possuem dificuldade. Os resultados da pesquisa apontam a relevância da utilização do Skills-CT no desenvolvimento das Habilidades do PC e dos estágios cognitivos e resolução criativa dos problemas, indicando que o mesmo influenciou positivamente a aprendizagem de programação por parte dos estudantes, o que pode ser constatado nos programas por eles desenvolvidos. Adicionalmente, apresentamos um guia para o ensino de programação e estratégias consideradas significativas para auxiliar os alunos na solução criativa de problemas.


Palavras-chave: Pensamento Computacional. Estágios Cognitivos. Aprendizagem 
Criativa.

Comentários desativados