Presença significativa é reflexo do estímulo constante ao empreendedorismo e à inovação praticado no Centro de Informática

Dentre as organizações integrantes do Polo Tecnológico e Criativo (Polo TeC) da UFPE, seis estão vinculadas ao Centro de Informática (CIn).  O setor, que faz parte da Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação, por meio da Diretoria de Inovação e Empreendedorismo (DINE), atua junto à comunidade acadêmica, apoiando startups de base tecnológica vinculadas a projetos de pesquisa, docentes e laboratórios da universidade. As startups Autecla, Mimo Pet App, E.Aí, Iara Systems, LoveCrypto e Viitra são empreendimentos de alunos e professores do Centro.

Na categoria de pré-incubação, o CIn está representado pelo Autecla, um projeto da área de saúde e biotecnologia que tem como objetivo auxiliar no processo de aprendizagem de crianças autistas por meio de um ecossistema integrado, que vai desde brinquedos inteligentes para a criança a um conjunto de ferramentas para pais e terapeutas; já na área de TIC, Economia Criativa e Cultura, o Mimo Pet App visa fornecer autonomia para tutores de cães treinarem seus animais e prepará-los para a convivência em ambientes diversos.

Entre os projetos incubados, o E.Aí, da área de inovação em saúde e biotecnologia, visa promover ambientes seguros e livres de vírus, bactérias e fungos por meio da desinfecção robótica inteligente; na área de energia e biocombustíveis, o Iara Systems desenvolve soluções de visão computacional e otimização numérica para o setor de óleo e gás, com ênfase em monitoramento e inspeção de equipamentos; o LoveCrypto atua no setor de TIC, Economia Criativa e Cultura, propondo atividades onde as pessoas podem ganhar criptomoedas como recompensa pela interação com produtos e serviços de determinadas empresas. Entre as startups associadas ao Polo TeC, a Viitra é especializada no desenvolvimento de sistemas que exploram o conceito de redes sociais, técnicas de Ciência de Dados e Mineração de Processos para criar um ambiente virtual educacional que aumente a capacidade de estudantes e professores colaborarem e regularem a aprendizagem.

EMPREENDEDORISMO NO CIn

A formação empreendedora é levada a sério no CIn; por isso, os estudantes têm à disposição diversas iniciativas que auxiliam na criação de projetos inovadores. A disciplina Projetão trabalha com uma metodologia de projeto com ênfase em inovação, baseada na multidisciplinaridade, em que os alunos formulam ideias inovadoras e as apresentam ao mercado no final do semestre. Além disso, o CIn também conta com a Coordenação de Cooperação e Inovação, que faz a ponte entre universidade, governo, mercado e sociedade; com o CInove, gerência de inovação que atua dentro dos preceitos da Universidade Empreendedora, fornecendo aos alunos atividades formativas e mentorias; e com o SandPit, pré-incubadora de negócios que oferece atividades práticas, mentorias, meetups e orientação técnica para os projetos incubados.

Polo TeC – O incentivo ao empreendedorismo e a promoção da cultura de inovação são os princípios que guiam o Polo Tecnológico e Criativo (Polo TeC) da UFPE. A estrutura, que faz parte da Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação, por meio da Diretoria de Inovação e Empreendedorismo (DINE), atua junto à comunidade acadêmica, apoiando startups de base tecnológica vinculadas a projetos de pesquisa, docentes e laboratórios da universidade. O suporte oferecido abrange as áreas mercadológica, logística, gerencial, contábil, financeira, jurídica e tecnológica. A iniciativa está em acordo com a Lei nº 10.973/04, que trata de fomentos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo.

Comentários desativados