Pós-Graduação em Ciência da Computação – UFPE
Defesa de Tese de Doutorado Nº 576

Aluno: Ozonias de Oliveira Brito Junior
Orientador: Prof. Hermano Perrelli de Moura
Co-orientador: Profa. Yuska Paola Costa Aguiar (UFPB/Deptº de Ciências Exatas)
Título: TAXONOMIA PARA AVALIAÇÃO PLURIDIMENSIONAL DE RECURSOS DIGITAIS DE APRENDIZAGEM
Data: 16/09/2022
Hora/Local: 9h – Virtual – Interessados em assistir entrar em contato com o aluno
Banca Examinadora:
Prof. Alexandre Marcos Lins de Vasconcelos (UFPE / Centro de Informática)
Profa. Pasqueline Dantas Scaico (UFPB / Departamento de Ciências Exatas)
Prof. Dorgival Pereira da Silva Netto  (UFCA / Centro de Ciências e Tecnologia)
Prof. Alixandre Thiago Ferreira de Santana (UFAPE)
Prof. Taciana Pontual da Rocha Falcão (UFRPE / Departamento de Computação)


RESUMO:

Recursos Digitais de Aprendizagem (RDAs) são projetados para implantar 
pedagogias baseadas no uso do computador e contribuir para o processo de 
ensino e aprendizagem. Diante da importância de garantir a qualidade desses 
recursos, a proposição de abordagens para sua avaliação é abundante na 
literatura nacional e internacional. A diversidade de abordagens para 
avaliação de RDAs e sua caracterização heterogênea dificultam a verificação 
da qualidade destes recursos. A inexistência de um consenso sobre os 
critérios a serem adotados, assim como da relação explícita entre estes e 
os arcabouços de qualidade, são barreiras para o processo de avaliação em 
si. Diante disso, o presente trabalho tem como objetivo favorecer a 
avaliação de Recursos Digitais de Aprendizagem a partir de uma 
metaorganização de dimensões, categorias e critérios em uma taxonomia que 
contempla a qualidade de software, de uso, pedagógica e híbrida. O processo 
de desenvolvimento da Taxonomia para Avaliação de Recursos Digitais de 
Aprendizagem (TaRDa) pautou-se no estudo e caracterização de 26 abordagens 
para avaliação de RDAs, selecionadas a partir de uma Revisão Exploratória e 
Sistemática de Literatura. Foram extraídos e analisados um total de 724 
critérios a partir do corpus de 172 publicações nacionais e internacionais 
contempladas no estudo. TaRDa foi concebida a partir de um processo 
iterativo e incremental, com validações cíclicas conduzidas com 
especialistas das áreas de Qualidade de Software, de Usabilidade e 
Educadores. A verificação da adequação de TaRDa considerou a opinião de um 
total de 102 especialistas com a aplicação de surveys on-line e grupos 
focais. Como resultado, TaRDa consiste em um instrumento para facilitar a 
avaliação de RDAs, sendo composta por 49 critérios e suas respectivas 
descrições, alocados em 17 categorias em consonância com 4 dimensões de 
qualidade (de uso, de software, pedagógica e híbrida).

Palavras-chave: Recursos Digitais de Aprendizagem. Taxonomia para a 
Avaliação de Recursos Digitais de Aprendizagem. Qualidade de Software. 
Qualidade de Uso. Qualidade Pedagógica.

Comentários desativados