Em sua segunda participação na competição, o RobôCIn, grupo de estudos e desenvolvimento em robótica do Centro de Informática (CIn) da UFPE, conquistou resultados expressivos durante a RoboCup 2021. Dentre eles, o mais importante registrou a marca histórica para a equipe: o prêmio de 3ª lugar na categoria Small Size League (SSL), dentre os oito grupos concorrentes do mundo todo. Este é também o primeiro troféu conquistado por uma equipe brasileira no desafio. A principal competição de robôs autônomos do mundo é organizada pela RoboCup Federation e ocorreu entre os dias 22 e 28 de junho de forma remota com transmissão pelo Youtube

O RobôCIn também competiu na categoria de futebol de robôs 2D e ficou em 7º lugar. A professora do CIn e orientadora do grupo Edna Barros comenta sobre a vitória do time: “Nossas equipes se dedicaram ao máximo e se superaram mais uma vez este ano. A equipe de 2D veio muito forte e atingiu o 7º lugar mundial, batendo nosso próprio recorde de melhor colocação de uma equipe brasileira na competição. O trabalho apresentado surpreendeu as expectativas e enfrentou diversas equipes experientes”.

Já durante a SSL, os desafios Technical e Hardware Challenge foram realizados por meio de jogos virtuais e robôs, feitos no laboratório do grupo. “Os desafios foram uma forma de mostrar o trabalho de todo o nosso sistema funcionando. No Hardware, ficamos em 5º lugar e no Technical, fomos os grandes campeões com o 1º lugar,” relata a professora.

Além das vitórias, o RobôCIn também obteve mais um reconhecimento importante. Participando pela primeira vez do 24º RoboCup International Symposium, o grupo teve quatro artigos científicos aceitos pelo evento, que aconteceu de forma remota ao longo do dia nesta segunda-feira (28).

“Para nós, é uma alegria imensa não só pelo prestígio acadêmico mas, principalmente, por termos a chance de compartilhar nossos conhecimentos com o resto do mundo. Fazer isso enquanto representamos nosso país, nossa cidade, nossa UFPE, nosso CIn, ressalta a importância da pesquisa e da Ciência no momento em que vivemos”, afirmou Lucas Cavalcanti, mestrando do CIn e Project Manager do grupo.

Confira título e autoria dos artigos aceitos:

A Telemetry-based PI Tunning Strategy for Low-level Control of an Omnidirectional Mobile Robot – Autores: Victor Araújo, Felipe Martins, Roberto Fernandes e Edna Barros;

Dataset and Benchmarking of Real-Time Embedded Object Detection for RoboCup SSL – Autores: Roberto Fernandes, Walber Rodrigues e Edna Barros;

Optimized Wireless Control and Telemetry Network for Mobile Soccer Robots – Autores: Lucas Cavalcanti, Riei Joaquim e Edna Barros;

RSoccer: A Framework for Studying Reinforcement Learning in Small and Very Small Size Robot Soccer – Autores: Felipe Martins, Mateus Machado, Hansenclever Bassani, Pedro Braga e Edna Barros.

Sobre o RobôCIn: Criado por um grupo de alunos do CIn-UFPE em 2015, o RobôCIn tem o objetivo de ampliar o conhecimento em soluções práticas e inteligentes e também competir na área de robótica. Em poucos anos, a equipe se tornou destaque a partir do comprometimento dos estudantes. Os alunos participaram de competições nacionais, como a Iron Cup 2018 e 2019, obtendo o terceiro lugar na categoria very small size, e latino americanas, como a Competição Latino Americana de Robótica (LARC) dos anos de 2016, 2017 e 2018, ficando em terceiro lugar na categoria very small size nesta última edição. Na edição de 2019 da Robocup, a equipe do CIn foi a melhor equipe brasileira na categoria 2D Simulation ocupando o 9º lugar mundial.

Comentários desativados